Liderança é influência - Liderança Geral - Artigos - Instituto Jetro

carregando...
Home > Artigos > Liderança Geral > Liderança é influência

Liderança é influência


Publicado em 16.05.2011
Que tipo de influência minha liderança exerce? Este é o tipo de pergunta que você deve fazer quando exerce liderança. Imagino que todo líder deveria ter em mente uma resposta clara para si mesmo a esta questão: o que significa liderar? Há quem veja na liderança um grande problema, ou mesmo um dever e até uma oportunidade de se aproveitar dela. Mas nada disso corresponde à realidade. Liderar é exercer influência. Isso demanda esforço, implica escolhas e resulta em realização pessoal.

O principal aspecto relacionado à liderança está no fato de que todos nós somos chamados a tomar parte dela. Todas as pessoas exercem algum tipo de liderança ao longo de sua vida. Isso é assim porque liderança tem a ver com influência. Constantemente podemos exercer influência sobre familiares, vizinhos, amigos, colegas, clientes. A primeira descoberta, então, é que você é um líder no lugar em que você se encontra. Não importa qual seja sua função ou experiência, você foi colocado por Deus onde está para influenciar e contribuir para transformar sua família, sua igreja, sua comunidade e o mundo.

Você pode liderar uma organização inteira ou apenas um pequeno grupo. Você pode ser um líder profissional ou um voluntário. Você pode ser um líder experiente ou ser um iniciante em uma jornada de liderança. Não importa. A mentalidade que o mundo corporativo estimula atualmente é que você deve liderar onde estiver.

Você precisa descobrir como pode se equipar e se preparar para influenciar as pessoas à sua volta a darem um passo decisivo na direção de um nível mais elevado de vida, para que você também tome decisões que possam mantê-lo em constante processo de maturidade e de aperfeiçoamento da visão a fim de transformar a realidade a sua volta.

Liderança é hoje um dos requisitos para a valorização de profissionais no mercado de trabalho. A liderança eficaz é aquela que faz as coisas acontecerem. Tudo o que se precisa é desenvolver a capacidade de tomar iniciativas e de possibilitar que as coisas aconteçam de fato. Com isso, será possível conquistar a admiração e a confiança das pessoas a sua volta.

Para que você exerça sua liderança, independente de estar ocupando a função de líder, você precisa constantemente: a) concentrar esforços na solução de problemas; b) desenvolver a competência de ser um agente participativo em qualquer circunstância; c) reconhecer no outro importantes fontes de conhecimento; d) ser cordial e solidário em qualquer situação.

Os valores que norteiam a nossa conduta podem influenciar a sociedade em que vivemos na expectativa de que mudanças significativas sejam provocadas na vida das pessoas. Foi assim que Jesus vez ao treinar doze homens oriundos de experiências tão diversas e ao mesmo tempo tão comuns. A força com que os chamou fez com que aqueles seus colaboradores tivessem a vida modificada de repente, de modo que nunca mais foram os mesmos.

Jesus foi um líder que estava para além da condição de Messias. Ele abriu mão de sua glória para que pudesse ser absolutamente homem, e deve ser visto como tal em sua função de líder, professor e chefe. Ele foi um líder servidor. Foi isso que o fez motivar sua equipe e tornar efetiva a relação com seus colaboradores. Sua capacidade de gerenciar pessoas e situações de conflito, associada a uma mensagem confrontadora aos padrões da época, fez dele o maior exemplo de liderança que já existiu.

Assim como Jesus Cristo tem sido o paradigma para o líder servidor, a maneira como ele escolheu e enviou seus discípulos é uma importante referência sobre a influência que cada um pode exercer no lugar em que se encontra. Jesus afirmou aos seus discípulos: "vocês são o sal da terra e a luz do mundo". A reforma protestante tentou resgatar essa dimensão do serviço ao desenvolver a noção de sacerdócio universal dos crentes. Isso só reforça o fato de que Deus está interessado em seu poder de influência para que o mundo seja transformado.

A partir das considerações sobre o perfil do líder servidor, a nova tendência das reflexões do mundo corporativo está voltada para compreensão mais subjetiva do papel da liderança. Liderar deixa de ser uma atividade ligada à autoridade e chefia e passar a ter relação com a nossa capacidade de promover ações efetivas de mudança.

Como podemos cuidar da influência que exercemos? Exerça influência positivamente. Ser líder não é o mesmo que ser chefe, mas é o que atua em parcerias. Mas também reconheça suas limitações. O único que pode tudo é Deus, que nos convida a entregarmos tudo o que nos preocupa em suas mãos.

Reprodução Autorizada desde que mantida a integridade dos textos, mencionado o autor e o site http://www.institutojetro.com/ e comunicada sua utilização através do e-mail artigos@institutojetro.com

Leia também 
Relacionamento entre líder e liderado
Liderança 360º - Uma liderança diferente

URL: http://www.institutojetro.com/artigos/lideranca-geral/lideranca-e-influencia.html
Site: www.institutojetro.com
Título do artigo: Liderança é influência
Autor: Irenio Silveira Chaves

Mais Lidos

carregando...

Comentários