O tempo e a vida agitada - Estratégia e Planejamento - Artigos - Instituto Jetro

carregando...
Home > Artigos > Estratégia e Planejamento > O tempo e a vida agitada

O tempo e a vida agitada


Publicado em 11.04.2017
O texto de Lucas 10.38 trata de um episódio ocorrido a tantos anos e ao mesmo tempo podemos perceber sua contemporaneidade. Ele retrata a forma como as duas irmãs, Marta e Maria se comportaram ao receber a presença de Cristo em sua casa.

Ao olhar este texto podemos nos identificar com qual das duas irmãs?

"E aconteceu que, indo eles de caminho, entrou Jesus numa aldeia; e certa mulher, por nome Marta, o recebeu em sua casa;
E tinha uma irmã chamada Maria, a qual, assentando-se também aos pés de Jesus, ouvia a sua palavra.
Marta, porém, andava distraída em muitos serviços; e, aproximando-se, disse: Senhor, não se te dá de que minha irmã me deixe servir só? Dize-lhe que me ajude. E respondendo Jesus, disse-lhe: Marta, Marta, estás ansiosa e afadigada com muitas coisas, mas uma só é necessária;
E Maria escolheu a boa parte, a qual não lhe será tirada". - Lucas 10:38-42

Percebemos Marta com uma vida corrida, com muitas tarefas como se estivesse sempre atrasada, sempre com um trabalho a fazer. Conhece aquela pessoa que quando você pergunta como esta ela ansiosamente responde: Estou na correria, sem tempo pra nada. Por isto mesmo recebendo Jesus ela não abriu mão das suas atividades domésticas e logo correu para a cozinha para preparar alguma alimentação para sua ilustre visita.

Que belo exemplo de mulher trabalhadora, falar que Marta era preguiçosa não cabe nesta história. Porém demonstra um nível de ansiedade muito alto como uma pessoa que não se preparou antes para aquele momento. Já sua irmã, Maria, ao perceber a grandiosidade daquele momento não pensou duas vezes, puxou a cadeira e assentou. Ela entendeu a rica oportunidade de desfrutar da presença de Cristo. Não poderia perder aquele momento.

Momentos de intimidade com Cristo é tudo que precisamos, porém, nossa agitação, nossa ansiedade em apresentar algum oficio para Ele pode estar roubando literalmente nosso tempo de comunhão.  Interessante que os envolvidos no trabalho já estão com o nível de stress tão elevado que usarão do artificio da pressão para justificar seu ativismo e foi isto que Marta cobrou de Cristo: O Senhor pode pedir para Maria me ajudar? Eu não aguento fazer tudo isto sozinha.

Jesus, Ele tem a resposta de que precisamos ouvir

Interessante que ele repete o nome dela duas vezes, você já escutou esta fala de alguém, como por exemplo seu pai ou sua mãe? A repetição do nosso nome é para nos chamar a atenção, Enoque, Enoque preste atenção, tenho uma palavra que pode mudar sua agitação para sempre.
Qual a razão deste andar tão agitado? Desta vida tão corrida, com tantas tarefas, com tantos ofícios, pensa que eu me impressiono com estas coisas?
Quando foi a última vez que você parou com suas atividades e assentou para me escutar?  O entretenimento e as diversas atividades têm roubado nosso tempo em desfrutar da palavra, da presença, da intimidade com Nosso Cristo.

E, a fala final de Cristo para Marta foi esta: Marta não leve a mal, mas sua irmã Maria decidiu escolher a melhor parte quando assentou para desfrutar da minha palavra e da minha presença. Relembrando o tema da nossa reflexão podemos perceber que a nossa sala também é um ambiente de distrações, filmes, series, jogos, e tantas outras coisas. Será que podemos abrir mão destas distrações para investir tempo na presença de Cristo?

Portanto podemos estar ocupados na cozinha, na sala ou mesmo em outros ambientes que exigem de forma demasiada nossa total atenção.
No entanto Cristo nos convida para assentar em sua presença e desfrutar deste tempo tão precioso em ouvir sua palavra e sentir seu cuidado por nossas vidas. Prepare as coisas antes, pois a visita de Cristo pode se dar em qualquer momento.

Marta lançou sua ansiedade nas tarefas domésticas ocupando todo seu tempo ao demonstrar sua inquietação pela atitude de Maria. Agora Maria aprendeu a descansar em Cristo abrindo mão da agitação daquele dia. O convite de Cristo para nossas vidas é demonstrado neste verso, quando nos propõe: "Não estejais inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças". Filipenses 4:6

Reprodução Autorizada desde que mantida a integridade dos textos, mencionado o autor e o site http://www.institutojetro.com/ e comunicada sua utilização através do e-mail artigos@institutojetro.com

Leia também
A coragem de Maria no mundo de Marta
A casa do cristão; lugar de descanso
Ativismo ministerial x alegria no ministério

URL: http://www.institutojetro.com/artigos/estrategia-e-planejamento/o-tempo-e-a-vida-agitada.html
Site: www.institutojetro.com
Título do artigo: O tempo e a vida agitada
Autor: Enoque Caló

Mais Lidos

carregando...

Comentários