Às vezes, simplesmente não dá certo - Estratégia e Planejamento - Artigos - Instituto Jetro

carregando...
Home > Artigos > Estratégia e Planejamento > Às vezes, simplesmente não dá certo

Às vezes, simplesmente não dá certo


Publicado em 25.10.2016
Você fez tudo o que sabia, podia e lhe aconselharam, mas não deu certo? Qual é sua reação, procurar motivos, não é? Queremos de todas as formas encontrar "o motivo do fracasso".

Era o emprego dos sonhos, mas durou pouco. Poderia ser uma história de vida com alguém que você considerava especial.  A faculdade que gostaria de cursar, até passou no vestibular, mas...

O emprego era em uma empresa familiar que foi vendida por causa de conflitos societários e os novos gestores resolveram enxugar a estrutura.

A história de vida que tinha tudo para terminar em casamento não se concretizou porque a convivência se mostrou difícil.

A faculdade dependia do apoio da empresa, porém os resultados não permitiram sua continuidade. A falência da empresa levou seus sonhos com ela.

Estes são alguns exemplos, dos muitos que poderiam ser listados.

Pessoas arrojadas poderão nos dar mil dicas que poderiam dar a estes fatos destinos mais interessantes, mas na vida, quantas vezes a teoria na prática, é outra.

Imagine-se decidindo o campeonato mundial de futebol.

Você vai bater o último pênalti. As cobranças estão empatadas. O país inteiro tem certeza que seremos campeões, afinal você jamais errou uma cobrança na vida, e é o maior astro do nosso esporte. Seguro, concentrado, afinal treina constantemente, parte para a bola. O silencio é aterrador. Sua concentração não permite notar absolutamente nada, a não ser o que vai fazer. Em segundos o goleiro está estatelado em um dos cantos e em câmera lenta todos vêem a bola fazer uma curva e não entrar no gol!

Um milhão e cinqüenta e sete mil perguntas explodem em sua mente: o que aconteceu? Bateu errado? Chutou muito forte? Deveria ter chutado rasteiro?Deveria ter chutado no outro canto? Deveria ter chutado mais fraco? Escorregou? A chuteira era nova? Respirou errado? Não respirou? Tinha um defeito na bola? O vento "soprou diferente"? E assim seguem as perguntas em busca de uma resposta.

Um século depois, muitos ainda estarão em busca dos motivos que o levaram a errar o pênalti.

Cientistas, analistas esportivos, curiosos, humoristas, todos terão suas teses, mas e o motivo?

Quantas vezes já não lhe perguntaram: - O que houve? O que estava sentindo naquele momento? Sentia-se bem para a cobrança? Não deveria ter pedido para outra pessoa bater o pênalti?

Famoso, agora ainda mais, já deixara de ir a muitos programas, pois sabia que as perguntas seriam as mesmas!

Pensando bem, acho que tenho uma pergunta sobre isso: - O que é que aconteceu, de fato, para que a bola não entrasse? Posso imaginar a resposta que receberei, mas vou ajudá-lo "nessa". Às vezes as coisas simplesmente não dão certo.

Às vezes há um motivo, às vezes milhares.

Uma das melhores propostas de emprego que recebi na vida, aconteceu quando eu terminava o colégio técnico. Passei em uma seleção na qual se envolveram milhares de jovens, mas existia um ponto com o qual eu não concordava: Não havia garantias que eu poderia cursar uma universidade no ano seguinte.

Seria enviado para um ponto no país, e esse local, na época, não me proporcionava esse acesso.

Quando recusei, meus amigos enlouqueceram, mas uma pessoa que sempre considerei sábia simplificou o processo.

Pediu que me sentasse a seu lado e disse: - Você é jovem e vai ficar imaginando mil situações que poderiam de alguma forma beneficiá-lo. O fato é que essas, dentro desse contexto, não existem.

Na vida, às vezes, algumas coisas simplesmente não dão certo!

Reprodução Autorizada desde que mantida a integridade dos textos, mencionado o autor e o site www.institutojetro.com e comunicada sua utilização através do e-mail artigos@institutojetro.com

Leia também
O sucesso é de vidro, o fracasso de aço
Quem pode nos dar uma mão?
Inadequados para o ministério?
O evangelho maltrapilho de Brennan Manning

URL: http://www.institutojetro.com/artigos/estrategia-e-planejamento/as-vezes-simplesmente-nao-da-certo.html
Site: www.institutojetro.com
Título do artigo: Às vezes, simplesmente não dá certo
Autor: Ivan Postigo

Mais Lidos

carregando...

Comentários