Artigos

Compartilhe

Reflexão

Razões para manter-se humilde

Não é de hoje que muitos ministérios são destruídos porque o líder permitiu que seu coração se enchesse de orgulho. Vemos líderes não preparados para obter algum sucesso, pois caem no mesmo erro em que Satanás caiu e deixam com que o orgulho os vença.

A seguir são apresentados 5 motivos porque devemos nos manter humildes em todas as situações, mesmo quando o nosso ministério conquista algum grau de sucesso:

1) Tudo provém de Deus: A Bíblia nos diz que tudo de bom que recebemos e tudo que é perfeito vem do céu (Tiago 1.17), tendo isto em mente, podemos fazer uma aplicação em nossas vidas e entendermos que nossas qualidades, dons e talentos provém do Senhor. Não devemos deixar com que o orgulho tome conta de nossas vidas a ponto de acharmos que somos bons em nós mesmos.

Paulo critica os Corintos pelo orgulho deles, mostrando-lhes que o que eles têm provém do Senhor (1 Coríntios 1.7) e por isso eles deveriam ser humildes. Se não entendermos que nossa capacidade vem do Senhor estaremos correndo perigo de cair no mesmo pecado dos Coríntios e nos tornarmos orgulhosos.

2) Estamos cumprindo o nosso dever: Certa feita Jesus explicou aos discípulos que o que eles estavam fazendo era apenas cumprimento de seus deveres (Lucas 17.7-10). Da mesma forma não devemos achar que Deus nos deve algo por causa do que fazemos, mas precisamos manter nosso coração humilde sabendo que participar da Sua obra é um privilégio. Muitas pessoas se orgulham ao acharem que Deus precisa delas e se esquecem que se não fizermos a obra, Deus pode levantar qualquer outra pessoa para fazer.

3) Não somos merecedores: É importante lembrarmos que não somos merecedores da graça que Deus nos deu. Por vezes nos esquecemos que tudo o que nós temos foi por causa da misericórdia de Deus, que nos salvou, nos deu dons e um ministério, sem sermos merecedores disto. O apóstolo Paulo havia entendido que tudo o que ele recebeu, inclusive o seu ministério, foi pela graça de Deus (1 Cor 15.10).

4) É o modelo ensinado por Jesus: Jesus por várias vezes adverte sobre o orgulho e ensina sobre a humildade, como na parábola do fariseu e do cobrador de impostos (Lucas 18.9-14) ou na sua atitude de lavar os pés dos discípulos (João 13.2-17). Ele também é o próprio modelo de humildade ao tomar forma humana e morrer na cruz (Filipenses 2.5-8). Desta maneira devemos também seguir o exemplo de humildade que o próprio Cristo nos deixou.

5) O orgulho é perigoso e afeta as pessoas a nossa volta: O orgulho na Bíblia é relacionado a atitude que Satanás teve, o apóstolo Paulo diz que o pastor não deve ser novo convertido para não ficar cheio de orgulho e ser condenado como Satanás foi (1 Timóteo 3.6). Paulo estava receoso que se novos convertidos adentrassem ao ministério pastoral eles poderiam se orgulhar (talvez pela posição ou pelo status) e pecassem por não serem humildes.

Paulo não queria que o pastor fosse orgulhoso, um líder que deixa de ser humilde pode arruinar toda uma equipe, da mesma forma que um pastor orgulhoso pode arruinar uma igreja. Devemos levar em conta esta exigência de humildade que o apóstolo faz ao ministério pastoral para entendermos o perigo que o orgulho traz para a igreja.

Portanto, ao considerarmos estes 5 motivos, devemos nos avaliar e sermos sinceros, verificando se em nosso coração não existe algum tipo de orgulho que desagrade a Deus, algum tipo de orgulho que faça com que deixemos de dar glória a Deus e busquemos nossa própria glória ou exaltação. Um líder que segue o modelo de humildade ensinado na Bíblia motiva as outras pessoas, já um líder orgulhoso ganha apenas desprezo e prejudica os demais.

Reprodução Autorizada desde que mantida a integridade dos textos, mencionado o autor e o site http://www.institutojetro.com e comunicada sua utilização através do e-mail artigos@institutojetro.com.

Leia também
Pastores em perigo
Vaidoso demais para admitir seus erros
Deus resiste ao soberbo